quinta-feira

Pontos nos iiiii

Não sou pássaro de gaiola. Gosto de me soltar livre de amarras ao encontro da linha do horizonte.
Mas quando nas veias me corre apenas o cansaço, vêm lembranças mudar-me o rumo. São grades que tenho de esgrimir para que as penas me sejam leves. Uma aspirina às vezes ajuda: distende um pouco as grades e eu, pássaro dorido, posso escapar por entre elas.
Do lado de fora é tudo muito mais alegre. E o sol aquece mais.
Sabes, é o sol que mais me propicia evadir; com o sol eu posso viver a valer. Por isso, peço-te, não me tapes o sol, nem sequer com uma singela névoa, porque me matas mais do que com trancas na porta.

14 comentários:

DE MÃOS DADAS disse...

Mas que bom texto, como sempre é um dom este de escrever coisas tão lindas...
Também não sou pássaro de gaiola.
Gosto mesmo do que escreves.
Ninguém poderá tapar-te o sol.

"Não toqueis os meus ingidos, não maltrateis os meus profetas."
Salmo 105:15
Beijinhos da Utilia

DE MÃOS DADAS disse...

estes erros ... as teclas claro
digo ungido
Beijinhos da Utilia

Ives disse...

Nossa, lindo demais, e a música então? de fazer chorar, abraços

antonio - o implume disse...

As amarras que se soltam sem desfazer os nós...

A.S. disse...

O Sol é energia. O centro do Universo! Por isso tenta fugir das sombras que, por vezes sedutoras, poderão ser um mau presságio!


Beijos,
AL

ONG ALERTA disse...

Talvez recarregar...beijo Lisette.

Ana Martins disse...

Boa noite Fá,
um desabafo profundo a descrever esse sentimento nostálgico que nos assalta sempre que de uma forma ou doutra nos sentimos aprisionados.

Beijinho,
Ana Martins

. intemporal . disse...

.

. a evasão como libertação de dentro . interior .

.

. onde ir.remediavel.mente me a.dentro . no des.tempo de todo este tempo . sem tempo .

.

. um bom fim.de.semana .

.

. em fá maior .

.

. e um beijo.meu .

.

. paulo .

.

Luis Eustáquio Soares disse...

ser livre,
ser ivre
ser
solto
mar
revolto

b
de la mancha

Vanuza Pantaleão disse...

Que o sol desse domingo possa dar-lhe toda a energia de que necessitas, amiga!
Um beijo carinhoso!!!

Secreta disse...

Fantásticas estas tuas palavras...
O sol é sem dúvida a nossa luz!
Beijito.

O Árabe disse...

... e como se torna necessário, por vezes, escaparmos às gaiolas de todos os dias! :) Boa semana.

BlueShell disse...

Excelente...pelno de imagens riquíssimas. Não conhecia...quis ficar...quis deixar-me estar aqui, ao som das palavras e ao calor do Sol....
tenho medo e frio....mas não tenho lágrimas....

BRANCAMAR disse...

O sol é fonte de vida e permite dar largas a todos os sonhos, permite todas as evasões e aquece mais os dias, permite-nos mais vida na vida que temos para viver.

Beijos
Branca